Busca: Nossos Servicos: RSS - O quê é isso?
Home do Blog Fernando Guimarães

Consultor de marketing e comunicação, especialista em marketing de relacionamento e programas de fidelidade

[email protected]

Culture Next: Spotify lança Relatório Anual de Tendências da Cultura Postado em: 09/06/2019

Spotify é o serviço de streaming de música, podcast e vídeo mais usado em todo o mundo. Com modelo freemium, fornece conteúdo protegido de conteúdo provido de restrição de gestão de direitos digitais de gravadoras e empresas de mídia.

O serviço tem um site, Spotify For Brands, voltado para o mercado de marketing e publicidade, no qual pode-se discutir objetivos para descobrir como o serviço pode impulsionar resultados, pode-se usar uma plataforma self-serve para criar e gerenciar campanhas de áudio e até acessar públicos e inventário premium.

A novidade agora é a disponibilização de uma pesquisa feita em parceria com a agência Culture Co-Op para entender melhor o que está no horizonte em tecnologia, moda, música, esportes e mais (ou seja, Cultura) através das lentes das gerações: Gen Z (15-24 anos) e Millennials (25-34).

Para um mergulho profundo no relatório e para baixar o white paper, vá ao site SpotifyforBrands.com. E dê uma olhada em alguns destaques da pesquisa em relação à Geração Z.

Traço 1: Conexões Emotivas

 Os membros da Geraação Z estão em contato com seus sentimentos e entendem a importância de expressá-los e abordá-los.

Cada geração jovem reivindicou alguma medida de melancolia. Os "Gen Zers", no entanto, abordam ativamente seus sentimentos -  muitas vezes por meio da música, e especificamente por meio de suas "playlists de bolsas" (sim, bolsas) de músicas tristes. E eles não estão apenas ouvindo essas playlists em 45% ano após ano, mas 49% dos participantes do estudo disseram que compartilham seus sentimentos de tristeza e solidão. Não é de admirar que "In My Feelings" de Drake tenha sido um sucesso.

Traço 2: Vidas Nômades

A Geração Z acredita que a música permite que as pessoas se conectem umas às outras e a diferentes culturas. Eles ouvem mais música internacional do que qualquer outro grupo demográfico.

Mais da metade dos participantes do estudo disseram que são amigos de alguém de outro país online. Portanto, não é surpresa que estejam alimentando a mania do K-Pop. O K-Pop rapidamente se tornou um dos 10 gêneros mais difundidos em todo o mundo, forjando laços internacionais entre os ouvintes, provavelmente por causa de seu estilo otimista, inspirador de corações e mistura lírica de coreano e inglês.

Traço 3: Atração Subliminar

A Geração Z anseia pela descoberta. Encontrar coisas novas, ideias, músicas, podcasts, hobbies e experiências faz com que eles se sintam bem.

Eles acreditam que qualquer um em qualquer lugar tem o poder de quebrar a bagunça da mídia social e se tornar um influenciador. Quanto mais relacionável uma pessoa é (digamos, um apresentador de podcasts), mais confiança e influência ela ou ele gera - gerando descobertas e, portanto, felicidade. Uma pesquisa anterior confirma isso. 72% das pessoas entrevistadas em 2018 disseram que a descoberta aumenta a felicidade - então, dê a elas algo novo e autêntico.

Traço 4: Política Pop

A Geração Z quer fazer parte da conversação política - e seu acesso contínuo à tecnologia e a todos os tipos de conteúdo permite que eles se envolvam de uma maneira que nenhuma geração teve anteriormente.

Podcasts que misturam estilo de vida e política estão no topo das paradas. 66% dos entrevistados disseram que esperam que as marcas façam parte do debate, promovam valores progressistas e desempenhem um papel mais significativo na sociedade. "Nossos olhos foram abertos para a falta de liderança por aqueles em posições de poder", diz a estrela pop canadense Alessia Cara" e por sua vez, muitos de nós tiveram que dar um passo em seu lugar".

Trait 5: Som Onipresente

A Geração Z pode parecer obcecada com suas telas, mas valoriza o áudio como uma fuga da sobrecarga de estímulo visual.

 O áudio não é apenas ruído de fundo, disse 50% dos entrevistados do estudo;  desempenha um papel enorme em suas rotinas. Então o silêncio também pode valer ouro também. Para aumentar a conscientização sobre o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, a Marie Claire realizou uma campanha de 30 segundos de silêncio no Spotify. Ouvintes presumiram que houve uma falha e olharam para seus telefones, apenas para ver uma mensagem, explicando o perigo de ficar em silêncio sobre a violência. Comunicações poderosas e impactantes como essa deixam uma impressão duradoura com a Geração Z.

Veja todos Artigos deste(a) Blogueiro(a) [Comentar (0)] [Enviar por e-mail] [Regras de Uso]

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Deixe seu comentário
Nome:
E-mail:
Comentário:
máximo caracteres.
 
Arquivo
 
Clientesa.com.br - Blog
Copyright © 2019 - Grube Editorial - Todos os direitos reservados
Powered byCantini Tecnologia