Busca: Nossos Servicos: RSS - O quê é isso?
Home do Blog Fernando Guimarães

Consultor de marketing e comunicação, especialista em marketing de relacionamento e programas de fidelidade

[email protected]

Proposta cria prazo mínimo de validade de pontos em programas de fidelidade Postado em: 18/05/2019
Projeto será analisado de maneira conclusiva pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; de Defesa do Consumidor; e de Constituição e Justiça e de Cidadania
O Projeto de Lei 1318/19 fixa em quatro anos o prazo mínimo de validade dos pontos acumulados pelo consumidor em programas de fidelidade instituídos por fornecedores de produtos e serviços. O texto também determina a utilização dos pontos a qualquer tempo e sem a necessidade de saldo mínimo. Autor da proposta, o deputado José Nelto (Pode-GO) reconhece que os programas de fidelidade ou de recompensa representam eficiente ferramenta de marketing, mas critica alguns critérios adotados pelas administradoras desses programas, como o direcionamento do consumidor para produtos mais caros a fim de obter benefícios vinculados ao programa. O desrespeito às regras previstas no projeto sujeita o infrator às punições do Código de Proteção e Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90). O projeto será analisado de maneira conclusiva pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; de Defesa do Consumidor; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Fonte: O Documento

Geração X: O consumidor esquecido pelas empresas e pelo mercado
Carla Buzasi, CEO e curadora de conhecimento da WGSN, uma das principais e mais cultuadas consultorias de comportamento mundial, trouxe um estudo exclusivo e inédito para o World Retail Congress: "Geração X, o consumidor esquecido". Em foco, a inexplicável opção das empresas pelo consumidor mais jovem, ignorando o poder econômico e a influência da Geração X, bem como o quanto essa renúncia afeta os resultados de vendas e lucros. A executiva procurou demonstrar a si mesma como genuína representante da Geração X, um contingente que representa 31% do rendimento total dos EUA, 25% da população do país, 60% da renda conjugal e 55% das startups de EUA e Canadá. É importante ressaltar, para Carla, que os membros da geração X ainda representam 51% da força de trabalho global e detém muito poder de consumo. Fonte: Consumidor Moderno
(https://www.consumidormoderno.com.br/2019/05/15/geracaox-consumidor/)



Veja todos Artigos deste(a) Blogueiro(a) [Comentar (0)] [Enviar por e-mail] [Regras de Uso]

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Deixe seu comentário
Nome:
E-mail:
Comentário:
máximo caracteres.
 
Arquivo
 
Clientesa.com.br - Blog
Copyright © 2019 - Grube Editorial - Todos os direitos reservados
Powered byCantini Tecnologia