Busca: Nossos Servicos: RSS - O quê é isso?
Home do Blog Fernando Guimarães

Consultor de marketing e comunicação, especialista em marketing de relacionamento e programas de fidelidade

[email protected]

Serasa Experian abre vagas para Jovem Aprendiz com foco 100% em tecnologia Postado em: 23/04/2019 Oportunidades são para a unidade de São Carlos, no interior de SP. Currículos podem ser enviados para o e-mail [email protected] até HOJE!
A Serasa Experian abriu as inscrições para mais uma turma de Jovem Aprendiz em São Carlos, no interior de São Paulo. Qualquer jovem entre 14 e 24 anos e matriculado no ensino médio regular ou técnico ou que já tenha concluído o curso em escola da rede pública pode se candidatar. A atuação profissional será 100% nas áreas de tecnologia da empresa, que pretende atrair principalmente as jovens que se identificam como meninas e que tenham interesse em seguir a carreira, contribuindo assim para o aumento da representatividade feminina dentro deste mercado. Os jovens interessados devem enviar o currículo para o email: [email protected] até o dia 23 de abril de 2019 com "Serasa São Carlos" no assunto. Não há restrição de idade para candidatos com deficiência. O programa tem duração de 11 meses e oferece remuneração mensal de R$755,00 e benefícios, como auxílio-refeição/ transporte e convênio médico e odontológico. Os 8 jovens selecionados vão trabalhar na unidade São Carlos da Serasa Experian, localizada na Avenida Presidente Juscelino Kubitscheck, 100, São Carlos, interior de SP. Além de todo conhecimento e experiência que podem ser obtidas na área, a Serasa Experian oferece atividades voltadas à formação pessoal dos jovens aprendizes. Os treinamentos estimulam competências como relacionamento interpessoal, trabalho em equipe, dinamismo, comunicação na língua portuguesa, planejamento e equilíbrio emocional.

Nestlé e Carrefour fazem parceria com IBM para rastrear alimento via blockchain
A gigante Nestlé e a rede de supermercados francesa Carrefour fecharam parceria com a IBM para usar a sua tecnologia blockchain a fim de rastrear um famoso alimento francês, segundo a empresa anunciou em um comunicado de imprensa, de 15 de abril. A Nestlé e o Carrefour, ambos membros da plataforma da IBM Food Trust, irão usar a tecnologia para rastrear a cadeia de suprimentos da Mousline, uma conhecida marca de musseline de batata instantânea. Uma vez implantado o recurso, os compradores poderão escanear um QR Code com seus smartphones para saber exatamente de onde vieram as batatas de um pacote específico, assim como sua jornada até a loja específica do Carrefour. O anúncio chega apenas alguns dias depois da rede de supermercados dos Estados Unidos Albertsons comentar sobre usar a Food Trust para rastrear um de seus produtos - o iceberg lettuce (alface iceberg) - com potencial de ampliação. Fonte: Portal do Bitcoin

Para responder a críticos, YouTube Tenta Uma Nova Métrica: Responsabilidade
O YouTube está mudando a forma como mede o sucesso no maior site de vídeos do mundo após uma série de escândalos. Há apenas um problema: a empresa ainda está decidindo como essa nova abordagem funciona. A divisão do Google introduziu duas novas métricas internas nos últimos dois anos para avaliar o desempenho dos vídeos, de acordo com pessoas familiarizadas com os planos da empresa. Um rastreia o tempo total que as pessoas passam no YouTube, incluindo comentários postados e lidos (não apenas os clipes assistidos). O outro é uma medida chamada "tempo de exibição de qualidade", uma estatística mais elaborada com um objetivo nobre: identificar o conteúdo que alcança algo mais construtivo do que apenas manter os usuários colados em seus telefones. As mudanças devem recompensar vídeos mais agradáveis aos anunciantes e ao público em geral, e ajudar o YouTube a evitar críticas de que seu serviço é viciante e socialmente corrosivo. Criar a métrica certa para o sucesso pode ajudar a marginalizar vídeos inadequados ou populares entre comunidades pequenas, mas ativas, com visualizações extremas. Também pode ajudar o YouTube a compensar falhas anteriores na redução da disseminação de conteúdo tóxico. Fonte: Bloomberg
Veja todos Artigos deste(a) Blogueiro(a) [Comentar (0)] [Enviar por e-mail] [Regras de Uso]

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Deixe seu comentário
Nome:
E-mail:
Comentário:
máximo caracteres.
 
Arquivo
 
Clientesa.com.br - Blog
Copyright © 2019 - Grube Editorial - Todos os direitos reservados
Powered byCantini Tecnologia