Busca: Nossos Servicos: RSS - O quê é isso?
Home do Blog Fernando Guimarães

Consultor de marketing e comunicação, especialista em marketing de relacionamento e programas de fidelidade

fernando.gguimaraes@gmail.com

Coordenar fontes de dados é a chave para o sucesso do CRM Postado em: 14/11/2017
A  próxima geração do gerenciamento do relacionamento com o cliente requer uma estratégia "data-first"
O CRM vem enfrentando o problema de lidar com o crescente número de canais (face a face, e-mail, web, celular, etc.) que os clientes passaram a usar e o fato de os sistemas estarem se tornando excessivamente complicados e com recursos muito difusos. Além disso, as iniciativas para obter informações adicionais sobre os clientes potenciais para fornecer ofertas mais direcionadas estavam se tornando intrusivas. Como resultado, os prospects estavam sendo afugentados exatamente por que as empresas estavam tentando atendê-los melhor. Segundo um número crescente de analistas, o problema está sendo abordado da forma errada. Em vez de perguntar qual sistema de CRM deve ser adquirido, pergunte-se primeiro quais dados já estão disponíveis, pois entender as fontes de dados é um passo importante para criar uma visão completa do cliente potencial ou do cliente. Existem também fontes externas, que podem ser usadas para agregar valor aos dados internos. Componentes da cadeia de valor global -- fornecedores e seus sub-fornecedores; clientes e seus próprios clientes -- também podem ter fontes de dados que podem agregar valor. A maioria das organizações já possuirá sistemas para lidar com tudo isso, e qualquer conselho com base na premissa "jogar tudo fora e começar de novo" provavelmente será recebida negativamente. A presença de vários sistemas existentes deve ser aceita: a direção deve estar em torno de obter o máximo desses sistemas. Fonte: Computerweekly
 
Facebook desativará botão "Curtir" em apps móveis de terceiros
Três anos atrás, o Facebook lançou uma versão do seu botão "Curtir" para os desenvolvedores colocarem em seus aplicativos móveis. Agora, a empresa anunciou a desativaão desse recurso. A partir de 6 de fevereiro de 2018, o botão "Like" nativo incorporado em aplicativos iOS e Android de terceiros não funcionará mais. Como resultado, as pessoas não poderão tocar em um botão no aplicativo de uma marca para "gostar" de sua página do Facebook ou um artigo no aplicativo de um editor para ajudar a aumentar seu alcance no feed de notícias do Facebook. No entanto, os desenvolvedores podem optar por criar seus próprios botões dentro de seus aplicativos que ligam para suas Páginas do Facebook para que as pessoas possam tocar nesses botões e abrir o aplicativo ou o site móvel do Facebook para a página do desenvolvedor e "gostar" dele, disse um porta-voz do Facebook. Não está claro o quão amplamente adotado o botão "Curtir" nativo do Facebook estaa entre aplicativos móveis e até que ponto isso desempenhou um papel na decisão da empresa de desativá-lo. Fonte: Marketing Land
Veja todos Artigos deste(a) Blogueiro(a) [Comentar (0)] [Enviar por e-mail] [Regras de Uso]

Compartilhe

Twitter Facebook Linkedin
Deixe seu comentário
Nome:
E-mail:
Comentário:
máximo caracteres.
 
Arquivo
 
Clientesa.com.br - Blog
Copyright © 2017 - Grube Editorial - Todos os direitos reservados
Powered byCantini Tecnologia